Premiação aconteceu ontem, ao vivo, no YouTube da companhia. Projetos escolhidos têm o objetivo de expandir, modernizar, capacitar equipe e gerar novos postos de trabalho

São Paulo, 25 de março de 2021 – A Serasa Experian anunciou ontem, dia 24 de março de 2021, os 20 projetos vencedores do Desafio de Inovação para Micro e Pequenas Empresas, ação criada em outubro do ano passado para incentivar, reconhecer e alavancar os negócios dos pequenos empreendedores neste momento de pandemia. Cada empresário receberá R$ 25 mil para colocar em prática as ideias que foram apresentadas no processo de inscrição, como expandir, modernizar, capacitar equipe e gerar novos postos de trabalho.

A iniciativa contou com a participação de 1.325 empreendedores de todo o país, fazendo do Desafio o maior prêmio de inovação para MPEs no Brasil. Além de concorrer ao prêmio, os candidatos ganharam um curso gratuito de educação financeira e puderam receber mentoria voluntária dos funcionários da Serasa Experian para desenvolvimento de seus projetos. Os vencedores estão espalhados por oito Estados brasileiros: São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Minas Gerais, Paraná e Sergipe. Os perfis dos vencedores podem ser vistos abaixo e pelo site do Desafio www.desafioserasaexperian.com.br.

A maior parte dos vencedores atua nos setores de Serviços e Comércio, em áreas como desenvolvimento de softwares, construção civil, venda de alimentos, escolas e até produção de adubo e outros itens a partir de materiais orgânicos. Todos os projetos selecionados pretendem inovar na forma de oferecer seus produtos, comunicá-los ao mercado ou otimizar processos, já que foram fortemente impactados pela pandemia.

Para o Vice-presidente de Pequenas e Médias Empresas e Identidade Digital da Serasa Experian, Cleber Genero, “os vencedores representam os empreendedores brasileiros, que precisaram rever suas estratégias, produtos e serviços durante a pandemia, enxergaram oportunidades e estão conseguindo prosperar. Estamos muito felizes que o prêmio vai poder contribuir com a evolução dessas empresas, que tanto ajudam na geração de emprego, criação de novos produtos e nichos de atuação, além do atendimento a demandas importantes de suas comunidades”.

Já para o analista de relacionamento com o cliente do Sebrae e integrante da banca avaliadora do Desafio, Ivan Tonet, a premiação proporcionou uma “reflexão sobre as prioridades do negócio, qual a transformação desejada e como isso se dará. Foi muito satisfatório colaborar neste projeto, que deu espaço para os empreendedores se empenharem na busca de condições melhores para os negócios, apresentando ideias interessantes”.

A comissão que avaliou os projetos foi formada por executivos do Sebrae e de empresas parceiras. Os 11 especialistas consideraram o grau de inovação, viabilidade da ideia, prontidão da empresa, resultados esperados e sustentabilidade. As etapas da premiação foram revisadas e asseguradas pela EY. O Desafio também contou com a parceria do Sebrae, apoiando a divulgação da iniciativa.

Os empreendedores ainda podem conferir o webinar gratuito, no qual os premiados foram anunciados, acessando o canal do YouTube da Serasa Experian. É possível aproveitar ainda outros materiais desenvolvidos pela empresa para auxiliar as micro, pequenas e médias empresas, como cursos de educação financeira, e-books com dicas valiosas sobre como melhorar a gestão do negócio, vouchers de descontos em soluções e um ciclo inteiro de webinars “Novo normal, novas oportunidades”, que ainda está disponível no site da companhia.

Confira abaixo os 20 vencedores:

  • VCL (projeto inscrito por Valdir César, de Guarapava – PR): pretende implementar projetos de sustentabilidade nas construções residenciais, como captação de água da chuva e aproveitamento da energia solar.
  • Little Sapiens (projeto inscrito por Silvia Maria, de São Paulo – SP): a escola projeta reformular o espaço físico e desenvolver funcionários para receber os alunos fora do horário de aula, com atividades interativas que mesclam artes, tecnologia, esportes etc.
  • Praxis (projeto inscrito por André de Oliveira, de São José do Rio Pardo – SP): digitalização da empresa de marketing, com melhorias nos serviços oferecidos e contratação de pessoal para a criação de uma nova área no cliente supermercadista que atende.
  • Zix Cosméticos & Acessórios (projeto inscrito por Vanessa Machado, de Nova Iguaçu – RJ): a empresa que oferecia procedimentos estéticos e venda de produtos tem o projeto de ampliar o espaço destinado ao estoque de produtos e aumentar a comercialização pelos canais digitais, além de especialização na área de cosméticos para a produção de produtos artesanais de beleza.
  • Yuri Busin Psicólogo (projeto inscrito por Yuri Busin, de São Paulo – SP): tem como objetivo a implementação de plataforma e melhorias técnicas para disponibilizar atendimento digital para pacientes que estejam enfrentando dificuldades psicológicas durante a pandemia.
  • Instituto Apta (projeto inscrito por Thelma Ignatti, do Rio de Janeiro – RJ): consultoria para empresas que desejam fornecer um plano de benefício para colaboradores que tenham filhos com deficiência em idade escolar, com disponibilização de rede de apoio na inclusão escolar da criança.
  • Paper Heart Box (projeto inscrito por Amanda Fonseca, de Suzano – SP): negócio de assinatura de produtos de papelaria, cujo intenção é ampliar o espaço para estoque e capital de giro para investimento em novos itens para os clientes.
  • C7 Negócios Digitais (projeto inscrito por Carlos Costa, de Leme – SP): implementação e melhoria da plataforma que reúne ferramentas para o profissional da psicologia que pretende fazer atendimentos online em salas virtuais seguras para pacientes e psicólogos.
  • E-Contabiliza (projeto inscrito por Robert Ferraz, de Belo Horizonte – MG): companhia de contabilidade especializada em e-commerce, cujo projeto é digitalizar e expandir o uso de tecnologia para agilizar processos fiscais para este público.
  • Twinkle Mountains (projeto inscrito por Maria Gabriela Barreira, de São Paulo – SP): negócio especializado em mochilas voltadas para a prática esportiva, cujo objetivo é ampliar as estratégias de divulgação e marketing.
  • Lindo’s Salgados Gourmet (projeto inscrito por Francislene Gomes, de Juazeiro do Norte – CE): criação e ampliação do projeto para apoiar mulheres da comunidade que precisam de renda extra por meio de investimento em equipamentos para venda de salgados e sucos na região.
  • K2GO (projeto inscrito por Thiago Kemper, de Curitiba – PR): startup focada em fornecer conteúdos educacionais de gestão e organização em odontologia, que irá desenvolver aplicativo sobre o assunto no projeto apresentado.
  • Estúdio Lis (projeto inscrito por Vanessa Sarto, de Sarandi – PR): negócio focado na concepção e criação de produtos, investindo em maquinário e insumos para ampliação do negócio sob o olhar das designers.
  • Nexos Data (projeto inscrito por Jéssica Belmiro, de São Paulo – SP): companhia que ajuda pequenos empreendedores a alavancarem o negócio por meio da análise de dados. O projeto visa automatizar processos para reduzir o tempo de entrega e uso de ferramentas para prospecção de novos clientes.
  • Bio Pizza Massas Funcionais (projeto inscrito por Luciana Matias, de Salvador – BA): tem plano para expandir a produção de massas de pizza funcionais, com investimento na ampliação do espaço de produção, maquinário adequado e mão de obra para lançar novos produtos.
  • Divertidamente Zen (projeto inscrito por Natália Wodianer, de São Paulo – SP): projeto que mescla yoga e pedagogia em atividades de recreação para crianças, com criação de um clube de associados para incentivar as práticas propostas.
  • Laktim Consultoria em Psicomarketing (projeto inscrito por Rafaela Moreira, de Ubá – MG): investimento no aplicativo Jog Job, que utiliza a gameficação para auxiliar colaboradores de empresas a cuidarem da saúde mental por meio da redução no tempo de exposição a telas, motivação e conquista de pontos enquanto atingem as metas propostas.
  • Electronics Business (projeto inscrito por Tiago Ribeiro, de Brasília – DF): aprimoramento dos processos da empresa, que oferece gerenciamento e desenvolvimento de softwares e hardwares para empresas que precisam descentralizar estas atividades do negócio.
  • Fábrica de Sonhos (projeto inscrito por Luisa Santos, de Fortaleza – CE): desenvolvimento de um novo produto da empresa especializada em papelaria criativa, que proporciona uma experiência diferenciada na produção e entrega de presentes personalizados.
  • Eden Garden – Adubos Orgânicos (projeto inscrito por André Santos, de Aracaju – SE): empresa que produz adubo e outros produtos desenvolvidos a partir do descarte de materiais orgânicos e deseja ampliar as vendas com o investimento em marketing.