Nordeste foi a região que teve o maior número de vencedores, ficando atrás apenas do Sudeste. Iniciativa distribuiu R$ 500 mil em prêmios para 20 empreendedores brasileiros que apresentaram as melhores ideias para garantir a saúde e sustentabilidade de seus negócios

São Paulo, 22 de abril de 2021 – Dentre os vencedores do Desafio de Inovação da Serasa Experian, quatro empreendedores são nordestinos e cada um conquistou o prêmio de R$ 25 mil para investimento no negócio. Representando os Estados da Bahia, Ceará e Sergipe, os microempreendedores terão agora a possibilidade de colocar em prática projetos, como a criação de novos produtos e serviços; expansão da área de atendimento e quadro de funcionários, para impulsionar as vendas e se destacar no atual cenário desafiador. Criado para reconhecer, incentivar e alavancar micro e pequenos negócios que estão enfrentando momentos de instabilidade causados pela pandemia, a iniciativa contou com a participação de 1.325 empreendedores e se tornou o maior prêmio de inovação para MPEs do Brasil.

Os ganhadores apresentaram projetos que visam, principalmente, melhorar a gestão financeira dos negócios, já que tiveram impacto negativo em seus fluxos de caixa causado pelas medidas impostas na pandemia. Outros objetivos em comum dos empreendedores são a criação de novos produtos, investimento em marketing e divulgação, capacitação de funcionários, compras de máquinas e ferramentas de produção, entre outros.

Além disso, a preocupação em retribuir e apoiar a comunidade também teve um importante espaço, como no projeto chamado Bike Rosa Na Rua, da empresa Lindo’s Salgados, de Juazeiro do Norte (CE). A ideia da Francislene Gomes, dona do negócio, é contratar mulheres da comunidade para revenderem seus produtos, proporcionando renda extra e autonomia financeira. Esse tipo de projeto, criado durante um período de distanciamento social, demonstra a capacidade dos empreendedores de se reinventarem e ao mesmo tempo contribuírem para que outras pessoas tenham oportunidade de trabalho e geração de renda perante o cenário desafiador.

O vice-presidente de Pequenas e Médias Empresas e Identidade Digital da Serasa Experian, Cleber Genero, reforça a importância da iniciativa. “Os empreendedores brasileiros precisam criar cada vez mais uma mentalidade para ter boas estratégias, conhecimento de mercado e enxergar novas oportunidades onde poucos veem. No entanto, sabemos que sem um impulso financeiro tudo fica mais difícil, ainda mais em um momento tão delicado como este. Por isso, ficamos felizes em poder contribuir para que muitos projetos que foram sonhados, se tornem realidade e ajudem a alavancar os negócios das micro e pequenas empresas, que possuem papel fundamental na economia e geração de novos empregos no país”.

Para o analista de relacionamento com o cliente do Sebrae e integrante da banca avaliadora do Desafio, Ivan Tonet, a premiação proporcionou uma “reflexão sobre as prioridades do negócio, qual a transformação desejada e como isso se dará”. Ele ressalta também que, “foi muito satisfatório colaborar neste projeto, que deu espaço para os empreendedores se empenharem na busca de condições melhores para os negócios, apresentando ideias interessantes”.

Além do prêmio, os vencedores também tiveram acesso a um curso gratuito de educação financeira e puderam receber uma mentoria com os especialistas voluntários da Serasa Experian, a fim de otimizar o andamento dos projetos e ajudar a colocar em prática as novas ideias. Confira abaixo mais detalhes sobre os empreendedores vitoriosos do Nordeste e as ações propostas:

  • Lindo’s Salgados Gourmet (projeto inscrito por Francislene Gomes, de Juazeiro do Norte – CE): microempreendedora individual do setor de comércio de alimentos que busca a criação do projeto “Bike Rosa Na Rua” para apoiar mulheres da comunidade que precisam de renda extra por meio de investimento em equipamentos para revenda de salgados e sucos na região.
  • Bio Pizza Massas Funcionais (projeto inscrito por Luciana Matias, de Salvador – BA): microempreendedora individual do setor de comércio de alimentos com plano para expandir a produção de massas de pizza funcionais, por meio do investimento na ampliação do espaço de produção, maquinário adequado e mão de obra para lançar novos produtos.
  • Fábrica de Sonhos (projeto inscrito por Luisa Santos, de Fortaleza – CE): microempresa especializada em papelaria criativa que encontrou nova oportunidade de venda devido ao distanciamento social trazido pela pandemia. Ela desenvolveu um novo produto para proporcionar experiências diferenciadas na produção e entrega de presentes personalizados.
  • Eden Garden – Adubos Orgânicos (projeto inscrito por André Santos, de Aracaju – SE): microempreendedor individual que produz adubo e outros produtos desenvolvidos a partir do descarte de materiais orgânicos e deseja ampliar as vendas com o investimento em marketing e divulgação.

De acordo com dados da Serasa Experian, o Nordeste foi responsável pela criação de mais de 500 mil novos negócios durante o ano de 2020. Outro recorte importante da região foi o crescimento da procura das empresas por crédito, que expandiu 12,8% em março de 2021 na comparação com o mesmo período do ano anterior. “Os dados registrados revelam a valorização do empreendedorismo na região e o esforço dos donos de pequenos negócios para garantir a saúde das empresas mesmo diante de um cenário econômico bastante instável”, comenta Genero.

O Desafio de Inovação da Serasa Experian teve 20 ganhadores em oito Estados do país, totalizando R$ 500 mil em prêmios. A avaliação dos projetos foi feita por uma comissão formada por executivos do Sebrae e empresas parceiras, que levaram em consideração o grau de inovação, viabilidade da ideia, prontidão da empresa, resultados esperados e sustentabilidade. As etapas do Desafio foram revisadas e asseguradas pela EY e o Sebrae é o parceiro de divulgação. Você pode conferir os demais projetos selecionados aqui.