Serasa Experian

Inadimplência das micro e pequenas empresas cresce 10,2% em agosto, revela Serasa

Total de MPEs com dívidas atrasadas atingiu 5,276 milhões no oitavo mês deste ano e registrou mais um recorde histórico. Em agosto de 2017, 4,788 milhões de companhias destes portes estavam com as contas em aberto

São Paulo, 27 de setembro de 2018 Em agosto de 2018, o Brasil registrou um novo recorde na inadimplência das micro e pequenas empresas. São 5,276 milhões de MPEs com dívidas atrasadas, o maior resultado desde o início da série histórica (2016). Na comparação com agosto de 2017 (4,788 milhões), a alta foi de 10,2%. Na relação com julho deste ano (5,208 milhões) o crescimento foi de 1,3%.

Segundo a avaliação dos economistas da Serasa Experian, o crescente número de MPEs que estão no vermelho aponta como a lenta recuperação da economia brasileira continua a exercer grande impacto na atividade de micro e pequenos negócios. Em contrapartida, os juros mantidos em patamares baixos incentivam oportunidades mais vantajosas para renegociação de débitos pendentes – um exemplo são as opões reunidas pelo serviço Recupera PJ (www.serasarecupera.com.br) –, o que pode contribuir para uma estabilização do indicador, e viabilizar uma retomada gradual do uso do crédito para investimento na expansão de empreendimentos com esse perfil.

Por segmentos, em agosto/2018, o setor de Serviços representava 47,0% dos 5,276 milhões de micros em pequenas empresas inadimplentes e registrou crescimento mensal de 2,0%. Comércio tinha participação de 44,1% e apontou alta mensal de 0,7%. Indústria representava 8,5% e também cresceu 0,7% na mesma relação. As demais empresas tinham participação de 0,4% e subiram em agosto, na comparação com julho deste ano, 0,9%.

Na mesma comparação mensal, entre as regiões brasileiras, apesar de o Sudeste ter a maior parte (54,4%) na participação, o Centro-Oeste foi a região que teve o maior crescimento no número de micro e pequenas empresas no vermelho, com alta de 1,6%. Na sequência, o crescimento de 1,4% foi observado nas regiões Sudeste e Sul. Norte mostrou alta de 1,3% e o Nordeste, de 0,5%.

Com 1,742 milhão de micros e pequenas empresas com contas em aberto, o equivalente a um terço (33,0%) do total do país, São Paulo segue isolado no topo da lista de estados brasileiros em agosto deste ano. Minas Gerais (11,0%) e Rio de Janeiro (8,4%) também permaneceram, respectivamente, na segunda e terceira posições do ranking.

Na variação mensal de agosto x julho de 2018, se destacam com as maiores altas de MPEs inadimplentes o Amapá (2,9%) e Goiás (2,6%). No outro extremo, registraram decréscimo no indicador Alagoas (-0,3%) e Pernambuco (-0,2%).

Conheça os indicadores de participação e a variação mensal de todos os estados:

Canais gratuitos da Serasa para ajudar microempreendedores

A Serasa Experian disponibiliza gratuitamente o Recupera PJ, um serviço online para as companhias renegociarem suas dívidas atrasadas diretamente com os credores. Os empresários podem se cadastrar no site e acessar a página onde estarão relacionados os credores participantes com os quais a empresa possui alguma conta em aberto, que esteja na base de dados da Serasa. A ferramenta tem mais de dois mil credores, de diversos portes e segmentos, e oferece um ambiente ágil e seguro para o fechamento de acordos. Com isso, mais devedores podem sair do vermelho e retomar o acesso ao crédito.

O Serasa Empreendedor, braço da Serasa Experian voltado ao microempreendedor, também possui uma plataforma com diversos serviços gratuitos específicos para o segmento, como a autoconsulta do score (modelo estatístico voltado aos MEIs e MEs com a probabilidade de a empresa honrar seus compromissos financeiros nos próximos seis meses); a ferramenta de simulação e contratação de crédito 100% digital; além de dicas, orientações e vídeos personalizados. A página (www.serasaempreendedor.com.br) também traz um teste, que ajuda a descobrir qual o perfil do empreendedor dentre os mais dominantes no país: Malabarista, Realizador, Autônomo e Arrojado.

Você também lê esta notícia no site www.serasaexperian.com.br/sala-de-imprensa e Twitter @SerasaImprensa

Serasa Experian

A Serasa Experian é líder na América Latina em serviços de informações para apoio na tomada de decisões das empresas. No Brasil, é sinônimo de solução para todas as etapas do ciclo de negócios, desde a prospecção até a cobrança, oferecendo às organizações as melhores ferramentas. Com profundo conhecimento do mercado brasileiro, conjuga a força e a tradição do nome Serasa com a liderança mundial da Experian. Criada em 1968, uniu-se à Experian Company em 2007. Responde on-line/real-time a 6 milhões de consultas por dia, auxiliando 500 mil clientes diretos e indiretos a tomar a melhor decisão em qualquer etapa de negócio.

Constantemente orientada para soluções inovadoras, a Serasa Experian vem contribuindo para a transformação do mercado de soluções de informação, com a incorporação contínua dos mais avançados recursos de inteligência e tecnologia.

Para mais informações, visite www.serasaexperian.com.br

Experian

A Experian é líder mundial em serviços de informação. Nos grandes momentos da vida – desde comprar um carro, passando por mandar seu filho para a faculdade, até a crescer o negócio se conectando com novos clientes – nós empoderamos consumidores e empresas a gerenciarem seus dados com confiança. Nós ajudamos as pessoas a tomarem o controle de suas vidas e acessarem serviços financeiros, os negócios a tomarem decisões mais inteligentes e prosperarem, os credores a emprestarem de forma mais responsável e as organizações a prevenirem fraude de identidade e crime.

Empregamos cerca de 16.500 pessoas em 37 países e a cada dia estamos investindo em novas tecnologias, profissionais talentosos e inovação para ajudar todos os clientes a maximizarem cada oportunidade. A Experian plc está listada na Bolsa de Valores de Londres (EXPN) e compõe o índice FTSE 100.

Saiba mais em www.experianplc.com ou visite o nosso hub de conteúdo global para as últimas notícias sobre a empresa.